Apresentação


O Projeto Breath IN - 'Rumo a um ambiente de qualidade do ar interior melhor e sustentável' - é um consórcio de quatro Instituições de Ensino Superior de três Países Europeus. O promotor é o Instituto Politécnico de Tomar (IPT) de Portugal. Os copromotores são o Instituto Politécnico de Leiria (IPLeiria, Portugal), a Universidade de Nicósia (UNIC, Chipre) e a Universidade Demócrito da Trácia (DUTHS, Grécia). A duração deste projeto é de 36 meses, o que corresponde a um montante fixo máximo de 400 000 EUR. Este projeto foi submetido ao programa de ação Erasmus+ KA220 e teve início a 01 de setembro de 2023.

 

Resumo

Mais de 90% do tempo de vida é passado em ambientes fechados, pelo que a poluição atmosférica em recintos fechados pode constituir uma séria ameaça para a saúde. O setor das Instituições de Ensino Superior (IES) representa um ambiente único, para os docentes, e um ambiente de aprendizagem para os estudantes. BREATH IN visa promover a consciencialização, trocar boas práticas, desenvolver competências, criar um Living lab para experimentar o impacto da qualidade do ar interior, introduzir práticas ecológicas e propor um roteiro para um ambiente sustentável.

Equipa


Parceiros


Consórcio

Instituto Politécnico de Tomar (IPT)
Politécnico de Leiria
DUTH
Universidade de Nicósia (UNIC)

Resultados


Estará disponível em breve.


Publicações


Estará disponível em breve.


Notícias



finaciamento

Cristina Andrade

Investigadora principal do projeto Breath IN do Instituto Politécnico de Tomar, Cristina Andrade é Licenciada em Engenharia Geográfica, Mestre em Geofísica, especialista em Meteorologia, segundo mestrado em Matemática, Doutoramento em Ciências do Ambiente, especialização em dinâmica de larga escala da atmosfera e pós-doutoramento em Física. Leciona no Instituto Politécnico de Tomar (IPT) desde 1998. Atualmente, leciona no Departamento de Matemática e Física, é fundadora e Diretora do Natural Hazards Research Center (NHRC.ipt) desde 2014. As suas áreas de investigação são os riscos naturais, eventos extremos, abordagens geoestatísticas em meteorologia e climatologia, e impactos das mudanças climáticas no meio ambiente, recursos hídricos e uso da terra. Publicou vários artigos de investigação em revistas com revisão por pares, editora de 4 livros, editora convidada de 4 SI e foi investigadora principal de um projeto financiado pela FCT (CLIMRisk, SAICT-POL/24253/2016). Orientou diversas dissertações de licenciaturas e mestrado. É membro integrado do Centro de Pesquisa e Tecnologia de Ciências Agroambientais e Biológicas, membro da União Europeia de Geociências (EGU) e Editora Assistente da revista Physics and Chemistry of the Earth (Elsevier).

Helena Monteiro

Helena Monteiro é Doutorada, Mestre e Licenciada em Matemática. Atualmente é Professora Coordenadora na Escola Tecnológica de Abrantes (ESTA) do IPT. É membro do Conselho Técnico-Científico e Pedagógico da ESTA, da qual foi presidente. Coordena o Projeto Eco-Escolas e o Projeto Voluntariado, que lhe proporcionou contactos trabalhando com alunos de diversos cursos, como Som e Imagem, Cinema Documental e Comunicação Social. É Diretora do Departamento de Matemática e Física, membro do Observatório de Inserção na Vida Ativa, e no Gabinete de Qualidade e Sustentabilidade, um grupo de trabalho do IPT.

José Antunes

José Antunes, Licenciado em Engenharia Química, com Mestrado em Engenharia Química, especialização em Química de Processos. É professor de ensino superior na Escola Superior de Tecnologia de Tomar desde 1997. Leciona Computação Aplicada a Tecnologia e Simulação em Tecnologia, Nas suas actividades letivas o desenvolvimento de rotinas em Matlab simulando as relações entre as diiversas variáveis em análise serão um fator fundamental para o envolvimento do aluno no projeto.

Rui Gonçalves

Rui Gonçalves é Doutor em Ciências Geofísicas e Geoinformação. Leciona a área de Física na Escola de Tecnologia do IPT, e é autor de diversos trabalhos de pesquisa e capítulos de livros. Participou em vários projectos, nomeadamente HYDROARID (POCI/CTE-GEX/55399/2004) uma candidatura às ilhas de Santiago e Maio (Cabo Verde).

Francisco Carvalho

Francisco Carvalho, é Doutor em Matemática, com atividades de investigação relacionadas com a Estatística. Iniciou sua carreira docente em 1995 como Assistente Convidado, ocupando o cargo de Professor Adjunto desde 2000 na Escola Superior de Gestão de Tomar do IPT. Entre outras disciplinas, lecionou estudos de mercado. Autor de diversos trabalhos de pesquisa e capítulos de livros, membro e presidente da vários comités organizadores de conferências internacionais (comité científico do International Workshop on Matrices and Statistics), realizadas em vários países. É membro do NOVA Math Research Center. Nos últimos 8 anos, foi Diretor da Escola de Gestão do IPT, entre outros cargos administrativos, relacionados ao cargo de Director.

José Casimiro Pereira

José Casimiro, é Doutorado em Ciência da Computação, dedicando a sua pesquisa ao Desenvolvimento de Aplicativos Móveis, Banco de Dados e Tecnologias da Internet. Iniciou a sua carreira docente em 1992 na Escola Superior de Tecnologia do IPT. Desde 2004 ele tem supervisionado mais de 40 projetos de final de curso, envolvendo alunos da Licenciatura em Engenharia da Computação. É membro integrado do Centro de Investigação em Cidades Inteligentes (Ci2) centro de investigação do IPT financiado pela Fundação Nacional para a Ciência e Tecnologia (FCT).

Sandra Mourato

Docente no Politécnico de Leiria desde 2002. É licenciada em Engenharia Biofísica, mestre em Hidráulica e Recursos Hídricos e doutorada em Engenharia Civil. Atualmente é coordenadora do programa de Engenharia Energética e Ambiental. Lecciona avaliação de impacte ambiental, hidrologia e recursos hídricos, hidráulica urbana, saneamento básico e planeamento e gestão de recursos hídricos nos cursos de licenciatura e mestrado de Engenharia da Energia e do Ambiente e de Engenharia Civil. É membro integrado do Centro de Investigação MED - Instituto Mediterrâneo de Agricultura, Ambiente e Desenvolvimento e do Laboratório Associado CHANGE - Instituto para a Mudança Global e Sustentabilidade. A sua atividade de investigação centra-se na modelação hidrológica e hidráulica, com ênfase na avaliação do impacto das alterações climáticas na disponibilidade de água e em eventos de cheias. Desenvolve também projetos na área da sustentabilidade em instituições de ensino superior. Participou em vários projetos FCT e Erasmus+. É autora de mais de 100 publicações em revistas, livros e conferências.

Anabela Veiga

Anabela Veiga é professora do Departamento de Engenharia Civil do Instituto Politécnico de Leiria, onde leciona diversas disciplinas nas áreas de geologia de engenharia e mecânica dos solos. Ela possui um Ph.D. em engenharia geológica pela Universidade de Coimbra, mestre em geociências e gestão de territórios pela Universidade de Coimbra, e licenciatura em geologia pela Universidade de Coimbra. É investigadora do Centro de Geociências (CGEO) da Universidade de Coimbra, no cluster de Geotecnologias. Os seus interesses de investigação centram-se na resolução de problemas relacionados com o ambiente geológico, a geotecnia e a disponibilidade de recursos para o desenvolvimento sustentável. Ela publicou mais de 40 artigos em conferências e periódicos revisados ​​por pares.

Sónia Pereira

Sónia Gonçalves Pereira é Médica Estagiária de Clínica Geral e Investigadora Doutorada, liderando um grupo multidisciplinar focado em 2 áreas principais: a) estudos do microbioma, particularmente no que diz respeito à interação com o sistema imunitário na Doença Celíaca, juntamente com características biopsicossociais da doença ; b) gestão antimicrobiana e prevenção e controle de infecções, incluindo o desenvolvimento de dispositivos rápidos de diagnóstico no local de atendimento para perfis de suscetibilidade antimicrobiana e ferramentas de previsão de risco de infecção, bem como o empoderamento dos profissionais de saúde e da sociedade, em direção a melhores práticas para prevenir infecções e resistência antimicrobiana. Conduzindo suas pesquisas por meio de uma abordagem colaborativa com diferentes áreas do conhecimento, busca se destacar na transferência de conhecimento e aproximar a ciência da sociedade.

Hermano Bernardo

Hermano Bernardo é licenciado em Engenharia Eletrotécnica, mestrado em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores e doutorado em Sistemas Sustentáveis de Energia. Atualmente, é Investigador Auxiliar no INESC TEC e Professor Adjunto Convidado no Instituto Politécnico de Leiria, onde leciona no domínio da Gestão de Energia e Eficiência Energética. É autor de diversos capítulos de livros, e artigos em revistas científicas e atas de conferências internacionais, maioritariamente na área de eficiência energética e sustentabilidade.

João Charrua de Sousa

João Sousa é doutorado em Engenharia Electrotécnica pela Universidade de Coimbra e professor no Departamento de Engenharia Electrotécnica - Instituto Politécnico de Leiria. É investigador no INESC Coimbra, na área de Utilização Racional de Energia e Planeamento de Sistemas de Potência. O seu principal interesse de investigação é a utilização de inteligência artificial no planeamento de sistemas energéticos, estando envolvido em projetos de investigação e supervisão de trabalhos relacionados com previsão de carga, perfil de carga, aprendizagem automática, eficiência energética em edifícios e análise de dados de contadores inteligentes.

Anastasia Paschalidou

Dra Anastasia Paschalidou atua como Assoc. Professor de Meteorologia-Poluição Atmosférica na Universidade Demócrito da Trácia (DUTH), Grécia. É Vice-Chefe do Departamento de Silvicultura e Gestão do Ambiente e Recursos Naturais e membro do Comité de Garantia de Qualidade da DUTH. Ministra cursos de Meteorologia, Poluição Atmosférica e Mudanças Climáticas, em nível de graduação e pós-graduação. Os seus interesses de investigação incluem meteorologia urbana, bioclimatologia, poluição atmosférica, epidemiologia ambiental, alterações climáticas e seu impacto no ambiente natural e na saúde pública. Ela tem mais de 100 publicações em periódicos revisados ​​por pares, anais de conferências e capítulos de livros (índice SCOPUS h: 19). Participou em numerosos projetos de investigação nacionais/europeus como PI ou líder de equipa. É autora de 2 livros didáticos (Mudanças Climáticas, Física do Ambiente Atmosférico). A partir de 2020, ela atua como Editora Associada na revista científica “Science of the Total Environment” (publicações ELSEVIER, IF=10.753).

Stavros Stathopoulos

Dr. Stavros Stathopoulos é licenciado em Engenharia Ambiental (especialização em Atmosfera, Energia e Mudanças Climáticas) pelo Departamento de Engenharia Ambiental da Universidade Demócrito da Trácia em 2011. Em 2013, ele recebeu seu mestrado em Engenharia e Ciência Ambiental (especialização em Poluição Atmosférica e Tecnologia Antipoluição ) do mesmo Departamento. Em 2021, recebeu seu doutorado pelo Laboratório de Poluição Atmosférica e Engenharia de Controle de Poluição, Departamento de Engenharia Ambiental, Universidade Democritus da Trácia. A sua investigação de doutoramento concentrou-se na influência das grandes aglomerações urbanas nos aerossóis e nuvens com a utilização de Modelos Climáticos Globais (GCMs) e observações de detecção remota. Esteve envolvido em numerosos programas de investigação nacionais e europeus. Atualmente é pesquisador de pós-doutorado na Universidade Democritus da Trácia, onde está desenvolvendo métodos estatísticos e de aprendizado de máquina para reduzir a escala de dados de sensoriamento remoto.

Kyriaki Psistaki

Dr. Kyriaki Psistaki é formado em Física pela Universidade Aristóteles de Thessaloniki, com mestrado. em Engenharia e Ciências Ambientais pela Universidade Demócrito da Trácia e com doutorado. em biometeorologia e epidemiologia ambiental pela Universidade Demócrito da Trácia. Sua pesquisa se concentra no impacto do clima, do clima e da poluição do ar na saúde pública. Participou em 4 projetos de investigação e em inúmeras conferências nacionais/internacionais.

Edna Yamasaki

A Professora Edna Yamasaki é a Diretora do Centro de Pesquisa EH. Anteriormente ocupou o cargo de Assuntos Académicos da VR, presidindo ao Comité Interno de QA e ao Gabinete Erasmus. Ela está ativamente envolvida em projetos financiados localmente e internacionalmente. Os seus interesses de investigação centram-se na área do sistema nervoso central, saúde pública e ambiente.

Iris Charalambidou

Iris Charalambidou é bióloga especializada em Ecologia no Norte do País de Gales e na Holanda. Os seus interesses são a investigação ecológica, a conservação da natureza, o envolvimento da sociedade civil e a sensibilização. Ela atuou como especialista científica e conselheira de vários escritórios da República de Chipre e de organizações civis e está envolvida em trabalho bicomunitário. Ela foi premiada com projetos apoiados pela ONU, UE e Embaixada Americana.

Kyriakos Georgiou

Ioannis Kyriakides formou-se em Engenharia Elétrica. pela Texas A&M Univ., mestrado e doutoramento pela Universidade Estadual do Arizona. Seus interesses de pesquisa incluem rastreamento de alvos bayesianos, métodos sequenciais de Monte Carlo, design adaptativo de formas de onda de radar e detecção compressiva adaptativa. É membro da CapTech Information da Agência Europeia de Defesa.

Lucia Protopapa

Lucia Protopapa é Webmaster do Departamento de Marketing da UNIC. Ela tem experiência em gerenciamento de web e projetos, marketing e marketing digital, design e solução de problemas técnicos. Possui bacharelado em Biologia Humana e mestrado em TESOL pela UNIC.

Loizos Papaloizou

Dr. Loizos Papaloizou é professor assistente no departamento de engenharia da Universidade de Nicósia (UNIC) e faz parte do programa de Engenharia Civil e Ambiental. Ele se formou no Departamento de Engenharia Civil da Universidade Aristóteles de Thessaloniki, na Grécia (2003) e posteriormente obteve um mestrado em Projeto de Estruturas Resistentes a Terremotos pela mesma universidade (2004). Dr Papaloizou possui doutorado pela Universidade de Chipre (2009) após concluir uma tese focada na análise não linear de antigas estruturas multi-tambor. Trabalhou na indústria como engenheiro civil profissional durante mais de 10 anos e como professor visitante na Universidade de Tecnologia de Chipre.
Dois dos seus principais interesses de investigação incluem as áreas de Análise Numérica de Estruturas e Engenharia Estrutural Assistida por Computador. Ele é coautor de 3 capítulos de livros e publicou mais de 40 artigos em periódicos e anais de conferências. Sua pesquisa cobre uma ampla gama de tópicos multidisciplinares de engenharia, incluindo a resposta e o comportamento de colunas antigas durante excitações sísmicas, impactos em edifícios sismicamente isolados, projeto de software e implementação de um sistema de identificação por radiofrequência (RFID) para aplicações de saúde, projeto orientado a objetos. de software de engenharia estrutural, monitorização da qualidade do ar e eficiência energética dos edifícios.

Ernestos Sarris

Dr. Sarris Ernestos é professor associado do departamento de engenharia do programa de Petróleo e Gás e Engenharia Civil da Universidade de Nicósia. É diretor dos laboratórios de petrofísica e de mecânica dos solos. Possui doutorado em geomecânica do petróleo com aplicações da técnica de fraturamento hidráulico pela Universidade de Chipre. Suas áreas de especialização e foco futuro são em Geomecânica do Petróleo, que incluem: mecânica das rochas relacionadas ao petróleo, fraturamento hidráulico, previsão e controle de lixamento, estabilidade do poço, fluxos multifásicos com aplicações em armazenamento geológico de CO2, recuperação aprimorada de petróleo EOR e mecânica de indentação.
Ele é um membro ativo da Society of Petroleum Engineers (SPE), da American Rock Mechanics Association (ARMA) e da Câmara Científica e Técnica de Chipre. É também revisor de diversas revistas científicas. Durante a sua carreira como investigador, atraiu financiamento externo da Cyprus Research Promotion Foundation (RPF).

Christiana Demetriou

Christiana Demetriou é Professora Assistente de Epidemiologia e Saúde Pública e Chefe do Departamento de Cuidados Primários e Saúde Populacional da Faculdade de Medicina da Universidade de Nicósia. É também coordenadora do programa de Mestrado em Saúde Pública (MPH) e do MPH Erasmus Mundus em Desastres.
Dr. Demetriou possui bacharelado em Ciências Biológicas pelo Geneva College, na Pensilvânia, EUA, mestrado em Saúde Pública pelo Imperial College London (ICL) e doutorado em Pesquisa em Medicina Clínica pelo Departamento de Epidemiologia e Bioestatística do ICL. Ela também recebeu o Certificado de Pós-Graduação em Educação Biomédica e de Saúde pela St George’s University London.
Os interesses de investigação da Dra. Demetriou incluem a epidemiologia do cancro e das doenças neurodegenerativas, e ela está particularmente interessada no papel da dieta, incluindo a nutrição na primeira infância, no risco e no fenótipo clínico destas doenças. Além disso, o Dr. Demetriou está interessado no campo da incorporação biológica, o processo através do qual as exposições externas – especialmente as exposições no início da vida – são internalizadas para influenciar a saúde, bem como na investigação molecular das ligações comuns entre doenças crónicas (“doentias”).

Souzana Achilleos

Souzana Achilleos é professora assistente em Saúde Ambiental na Faculdade de Medicina da Universidade de Nicósia.
Dr. Achilleos possui bacharelado em Química pela Universidade Nacional e Kapodistrian em Atenas, Grécia; um Mestrado em Saúde Ambiental pelo Instituto Internacional de Chipre para o Meio Ambiente e Saúde Pública em associação com a Harvard School of Public Health; e um grau de ScD (Doutor em Ciências) em Saúde Ambiental pela Universidade de Harvard em Boston, MA, EUA.
Os seus interesses de investigação incluem avaliação da exposição, epidemiologia ambiental e saúde pública; e particularmente a investigação das fontes, destino e transporte, e dos efeitos da poluição atmosférica, incluindo tempestades de areia, na saúde humana.

Photos Hajigeorgiou

Fotos Hajigeorgiou é professor de Química na Faculdade de Medicina da Universidade de Nicósia. O Prof. Hajigeorgiou possui um B.Sc. (Honras) em Química, um Ph.D. em Química (Física Química e Espectroscopia Molecular) pela Dalhousie University, Halifax, Canadá, e um PGCertHE pela University of Hertfordshire, Reino Unido. Ele também completou uma bolsa de pós-doutorado (espectroscopia a laser) no Departamento de Química da Universidade de British Columbia, Vancouver, Canadá, e uma associação de pesquisa (espectroscopia a laser e física química computacional) no Departamento de Química da Universidade de Waterloo, Waterloo. , Canadá. Seus interesses de pesquisa incluem física molecular, espectroscopia de fluorescência induzida por laser, química computacional, nutrição e saúde humana, química ambiental e educação médica. Recentemente, liderou uma equipa de investigação da Faculdade de Medicina na conclusão do projecto Snow-IoT, examinando poluentes ambientais e o seu impacto na saúde humana em Chipre.

Conceição Catroga (PT)

GRI -Gabinete de Relações Internacionais

Flávio Chaves (PT)

LINE.IPT - Laboratório de Inovação Industrial e Empresarial

João Luz (PT)

João Pedro Freire Fonseca da Luz. Mestre em Estudos Artísticos, variante Estudos Cinematográficos, pela Universidade de Coimbra. Professor na Escola Superior de Tecnologia de Abrantes, no Instituto Politécnico de Tomar. Investigador do Centro de Tecnologia, Restauro e Valorização das Artes. Desenvolve projetos nas áreas de documentário, vídeo experimental, curtas de ficção e multimédia. Tem também interesse pela dramaturgia, encenação e artes performativas, com duas peças de teatro em que foi co-diretor: uma peça medieval trazida até aos dias de hoje - "O Físico" - e um melodrama teatral baseado em poemas da sua autoria - "O Medidor de Passos" - ambos apresentados no Teatro Virgínia. Também neste espaço produziu componentes multimédia para espectáculos de música ao vivo. Alguns dos seus filmes foram exibidos em festivais de cinema ou mostras de vídeo, como Panorama, Caminhos do Cinema Português, Avanca, Fantasporto, Luso-Brasileiro, Adição+, Shortcutz, Centro Nacional de Artes Contemporâneas de Moscovo, Galeria da Boavista e ainda RTP2. A nível experimental, contribuiu para o coletivo surrealista Exquisite What, um projeto online internacional, e dirigiu vídeos musicais para bandas locais. As áreas temáticas que gosta de explorar nos documentários são a etnografia, o urbanismo, a arquitetura, a indústria, a biografia e a futurologia.

Juvenal Paulino (PT)

Especialista de Informática

CIS - Centro de Informática e Sistemas

Marc Lafont (PT)

GCR - Gabinete de Comunicação e Relações Públicas

Tânia Matos (PT)

GCR - Gabinete de Comunicação e Relações Públicas

André Fonseca (PT)

André Fonseca, natural de Marrazes, é um produto dos saudosos anos 80. A sua formação inclui uma licenciatura em Engenharia do Ambiente pelo Politécnico de Leiria e Mestrado em Hidráulica, Recursos Hídricos e Ambiente pela Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra. 

Exerce funções na Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Politécnico de Leiria como técnico superior afeto aos laboratórios de biociências e tratamento de águas. É formador do Projeto de Compostagem Doméstica da Valorlis - Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos, S.A.

No seu tempo livre gosta de viajar, escrever poesia, fazer teatro e praticar desporto (pratica atualmente futebol, corrida de montanha e já completou 3 maratonas de estrada).

Cristina Costeira (PT)

Cristina Raquel Batista Costeira (RN; MSN; PhD) possui graduação em enfermagem especialista em medicina cirúrgica. É docente de enfermagem a tempo inteiro na Escola Superior de Ciências da Saúde do Politécnico de Leiria. É doutora em Novos Contextos de Intervenção Psicológica em Educação, Saúde e Qualidade de Vida e mestre em gerenciamento em enfermagem. Ela também é terapeuta de Medicina Tradicional Chinesa. Pós-graduado em gestão de equipes e pessoas. Interesse em cuidados paliativos, controle da dor, terapias complementares; supervisão clínica; gestão em saúde e qualidade de vida. Desenvolveu e publicou pesquisas em diversos periódicos e revistas nacionais e internacionais.

Instituto Politécnico de Tomar (IPT)

O Instituto Politécnico de Tomar (IPT) é uma instituição de ensino superior pública, criada para prosseguir a investigação e o ensino de licenciatura e pós-graduação. A estrutura do IPT conta com 3 unidades: a Escola Superior de Tecnologia (ESTT) e a Escola Superior de Gestão de Tomar (ESGT), e a Escola Superior de Tecnologia do campus da cidade de Abrantes (ESTA). Atualmente, conta com 6 centros de ensino e 7 unidades de apoio em diferentes cidades da região. Desde o ano letivo passado tem também oferecido várias licenciaturas de TeSP no Ensino Profissional na Região de Lisboa (Mafra e Sintra, por exemplo). Hoje, cerca de 3000 membros estão integrados à nossa comunidade académica, incluindo estudantes, professores (220) e pessoal técnico e administrativo. O IPT oferece atualmente 19 licenciaturas, 15 mestrados; 25 cursos de Educação Profissional TeSP e 18 cursos de Pós-Graduação, todos credenciados pela Agência Nacional Externa (A3ES), mas também, 8 micro-credenciações e 2 cursos de curta duração. As principais áreas de estudo são Estudos Ambientais, Gestão, Contabilidade, Património e Turismo Cultural; Design e Comunicação; Engenharia, Tecnologia e TIC; Artes e Conservação do Patrimônio. Todos os cursos são de base ECTS adotando as recomendações de Bolonha e uma grande parte delas têm redes integradas que também contribuem para o reconhecimento europeu. Os programas de investigação do Politécnico estão amplamente integrados nos programas de investigação europeus. Possui vários trabalhos em grupo/escritório dedicados à qualidade e sustentabilidade, Mentores, Voluntariado e Eco-Escola. Atualmente, o IPT acolhe a Cátedra UNESCO em Gestão Integrada da Paisagem Humana e Cultural com um programa de doutoramento em Património, Tecnologia e Território. Conta com três centros de investigação financiados pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), o Centro de Investigação em Cidades Inteligentes (Ci2), o Centro de Tecnologia, Restauro e Valorização das Artes (Techn&Art) e o Centro de Geociências (CGEO). A maioria das áreas de estudo tem suas estruturas de apoio à pesquisa, como vários laboratórios dos quais o NHRC.ipt – o Natural Hazard Research Center, é crucial para hospedar e fomentar o projeto Breath IN, fazendo uso da infraestrutura estabelecida de campos complementares de pesquisa.

https://www.ipt.pt/

Politécnico de Leiria

O Politécnico de Leiria (www.ipleiria.pt) é uma IES moderna que apoia as suas atividades em quatro atividades principais interligadas: ensino, investigação, serviços inovadores à sociedade (benefício e partilha de conhecimento) e internacionalização. O Politécnico de Leiria tem cinco faculdades, acomodando mais de 14000 alunos e mais de 1600 funcionários. O Politécnico de Leiria é a principal IES da Universidade Europeia RUN-EU (www.run-eu.eu), que tem um forte foco no desenvolvimento social através da educação, investigação e inovação num ambiente de Campus multicultural. O Politécnico de Leiria é a única IES pública em Leiria e na região Oeste em Portugal e está no centro de um Ecossistema Regional e Global de Investigação e Inovação, que inclui:
a) 15 centros de investigação apoiados pela Fundação Nacional de Ciência e Tecnologia
b) Um ecossistema único de start-ups composto por quatro incubadoras e uma aceleradora de start-ups; Politécnico de Leiria é Vice-Presidente da Associação Empresarial Regional (1200 PME)
c) Um ecossistema regional que promova o envolvimento da sociedade, incluindo duas infraestruturas científicas localizadas no "coração" de dois parques industriais, bem como a ocorrência de mais de 2500 estágios/ano com PME e outros intervenientes regionais
d) A IES portuguesa que liderou nos últimos 10 anos os projetos de cocriação com PME apoiados pela Inovação Nacional.

https://www.ipleiria.pt/

DUTH

A DUTH foi fundada em 1973 e recebeu o nome do filósofo grego Demócrito, que veio da cidade de Abdera, na Trácia. A DUTH é uma universidade pública com plena autonomia, supervisionada e financiada pelo Estado através do Ministério da Educação. A Universidade com mais de 1.400 funcionários está atualmente operando 8 Faculdades e 20 Escolas em quatro cidades. No total, mais de 28.000 estudantes estão estudando no DUTH nos níveis de graduação e pós-graduação. A Universidade desempenha um papel importante no fortalecimento da identidade nacional e cultural da região e contribui para o alto nível de educação na Grécia. Confiando na qualidade do ensino e do nível de investigação, a DUTH garantiu um lugar entre as melhores universidades gregas. Durante os últimos 20 anos, a DUTH realizou vários milhares de projetos financiados geridos pelo seu Comité de Investigação. No âmbito destes programas, tem havido uma ampla cooperação com universidades, centros de investigação e outros organismos na Grécia, em toda a Europa e no estrangeiro. A DUTH participou como parceiro principal/do projeto em vários programas financiados pela UE, tais como o 7.º PQ, o H2020, as ações Life e Erasmus+, a Cátedra Jean Monnet, bem como em organizações internacionais como a Agência Espacial Europeia, a Agência Europeia de Medicamentos, etc.

https://duth.gr/en

Universidade de Nicósia (UNIC)

A Universidade de Nicósia (UNIC) é a maior universidade de Chipre e a maior universidade do Sul da Europa que ensina principalmente em inglês, com estudantes de mais de 100 países de todo o mundo, reunidos num espaço de aprendizagem inovador e transformador.
A UNIC é uma universidade abrangente com programas de estudo convencionais no campus e on-line, e pontos fortes específicos em medicina, ciências da saúde, ciências da educação, blockchain, ciência da computação, direito, contabilidade, arquitetura e relações internacionais.
A internacionalização é uma componente central da estratégia da UNIC que inclui parcerias para programas de licenciatura, mobilidade estudantil e oportunidades para estudantes de pós-graduação na academia ou na indústria, a fim de partilhar conhecimentos e capacidades entre países.
O campus moderno da UNIC é composto por 18 edifícios construídos e reformados especificamente, situados em meio à paisagem urbana no movimentado subúrbio de Engomi, em Nicósia. O amplo layout do campus da UNIC nos permite fornecer instalações especializadas para apoiar cada departamento acadêmico. Todo o bairro é voltado para a vida estudantil, permitindo uma experiência social única, caracterizada pela interação comunitária, diversidade, aprendizagem e diversão.
Uma parte integrante da nossa abordagem ao design de aprendizagem desses cursos é o nosso compromisso de ajudar nossos alunos a desenvolver habilidades de análise crítica, reflexão e resolução de problemas de alto nível. Também apoiamos nossos alunos na construção de conhecimento de forma colaborativa e no envolvimento na aprendizagem social.
A investigação na UNIC centra-se numa variedade de questões globais e locais, incluindo saúde, redes complexas, organização social, educação, TIC, engenharia e sustentabilidade ambiental. Nossos pesquisadores examinam os desafios contemporâneos a partir de uma ampla gama de perspectivas, incluindo avanços tecnológicos e científicos e cultura e pensamento modernos. Aplicam a sua experiência, derivada da abordagem de preocupações locais, regionais e nacionais, a questões-chave com impacto global; e desenvolver equipes para reunir forças disciplinares para abordar tais questões. Pesquisas de ponta são realizadas nas áreas de Tecnologia Educacional, Realidade Virtual e Aumentada e Inteligência Artificial e Aprendizado de Máquina.
A Universidade, através da sua participação em projetos, seja como parceira ou coordenadora, desenvolveu uma ampla base de conhecimento e experiência em termos de produção de investigação e gestão de projetos. Na prossecução da sua visão de ser um contribuidor líder para a educação e a investigação, a Universidade tem ajudado no desenvolvimento de vários centros de investigação e instituições afiliadas academicamente.

https://www.unic.ac.cy/

Dia de arranque

O arranque do projeto tem data agendada para 31 de Janeiro de 2024 (14:00 UTC+0)
link: https://bit.ly/3Odkkgo

Programa
14:00 Apresentação do Projecto e da equipa
         Cristina Andrade, Instituto Politécnico de Tomar (Portugal)

14:15 Introdução WorkPackage 2
          Anastasia Paschalidou, Universidade Demócrito da Trácia (Grécia)
 
          The sick building syndrome: Are we all suffering?
          Kyriaki Psistaki e Stavros Stathopoulos, Universidade Demócrito da Trácia (Grécia)
 
14:30 Introdução WorkPackage 3
          Sandra Mourato, Instituto Politécnico de Leiria (Portugal)
 
          A brief overview of 3SqAir project experience
          Luísa Pereira, Universidade de Coimbra (Portugal)

14:45 Introdução WorkPackage 4
          Edna Yamasaki Patrikiou, Universidade de Nicósia (Chipre)
 
          Indoor Air Quality, Health Impact and Academic Performance
          Edna Yamasaki Patrikiou, Universidade de Nicósia (Chipre)
 
15:00 Encerramento

1º Breath IN Webinar 2024-03-20

O arranque do Ciclo de Webinares tem data agendada para 20 de Março de 2024 (14:00 UTC+0)
link: https://bit.ly/434ndGj

Programa
14:00 Boas vindas e apresentação do Ciclo de Webinares
          Cristina Andrade, Instituto Politécnico de Tomar (Portugal)

14:10 Apresentação do Orador Convidado
          Sandra Mourato, Instituto Politécnico de Leiria (Portugal)
 
          Do plants improve indoor air quality? Myth or Reality? The ISEL/IPL experience
          Ana Barreiros, Instituto Superior de Engenharia de Lisboa (Portugal)
 
14:35 Apresentação do Orador Convidado
          Cristina Andrade, Instituto Politécnico de Tomar (Portugal)
 
          Indoor air quality analysis in a Primary School: a case study
          Flávio Chaves, Instituto Politécnico de Tomar (Portugal)
 
15:00 Encerramento

2º Breath IN Webinar 2024-04-03

03 de Abril de 2024 (14:00 UTC+1, PT time)
link: https://bit.ly/3xgUW3u

Programa
14:00 Boas vindas
          Cristina Andrade, Instituto Politécnico de Tomar (Portugal)

14:10 Apresentação do Orador Convidado
          Edna Yamasaki, Universidade de Nicosia (Chipre)
 
          Mitigating the health effects of desert dust storms using exposure-reduction approaches:
          lessons learned from the LIFE-MEDEA public health intervention study
          Souzana Achilleos, University of Nicosia Medical School (Chipre)
 
14:35 Apresentação do Orador Convidado
          Edna Yamasaki, Universidade de Nicosia (Chipre)
 
          Thermal stress and public health in Mediterranean environments: Current trends and
          future projections
          Anastasia Paschalidou, Universidade de Demócritus da Trácia (Grécia)
 
15:00 Encerramento

 

3º Breath IN Webinar 2024-04-24

24 de Abril de 2024 (14:00 UTC+1, PT time)
link: https://bit.ly/43KG7lZ

Programa
14:00 Boas vindas
          Cristina Andrade, Instituto Politécnico de Tomar (Portugal)

14:10 Apresentação do Orador Convidado
          Sandra Mourato, Instituto Politécnico de Leiria (Portugal)

          To be announced
          To be announced, Instituto Politécnico de Leiria (Portugal)

14:35 Apresentação do Orador Convidado
          Cristina Andrade, Instituto Politécnico de Tomar (Portugal)

          North African dust intrusions and increased risk of respiratory diseases in Southern
          Portugal
          Tiago Silva, Universidade de Lisboa, IGOT (Portugal)

15:00 Encerramento